Pense no formato “Live Session” como um investimento tão importante quanto a própria gravação da sua obra ou a prensagem do formato físico. Atualmente, o público tende a consumir conteúdo musical sob demanda que imprima verdade. Pessoas gostam de ouvir uma boa música gravada, mas assistir a execução dessa mesma música ao vivo as conecta ao artista de forma avassaladora. O mercado percebe isso e é aí que moram as oportunidades em monetizar sua música.

Um relatório da gigante de pesquisas Nielsen mostra que em 2016, o consumo de áudio foi superior em 97% a 2015.

grafico1

O mesmo relatório aponta que 80% dos ouvintes de música usaram serviços de streaming de vídeos, música ou transmissões ao vivo.

grafico2

Com os dados de consumo vistos acima, fica claro que o interesse por conteúdo audiovisual é crescente. Inspirados nisso o atual modelo de negócios da Maloca, que vem gravando bandas de todo o estado de Minas Gerais, propõe a produção de conteúdo audiovisual para artistas independentes baseado na gravação (em alta qualidade) de performances ao vivo em diversos ambiente (pubs, casas de shows, teatros, espaços alternativos e até em sua casa!). Além de disponibilizar o conteúdo no YouTube e distribuir nas principais plataformas digitais*.

O resultado dessa iniciativa tem beneficiado artistas que veem portas para shows e contratos se abrindo. Além de ampliarem suas bases de fãs, músicos estão conseguindo projetar uma imagem diferenciada para o mercado que por sua vez, começa a se inclinar a esse produto.

Inclua o formato “ao vivo” no seu Plano de Lançamento. Hoje, a Maloca Produtora viabiliza tudo isso oferecendo pacotes em até 12 vezes.

Assine nosso canal e assista nossas produções: j.mp/malocaprodutora

“A Maloca vai onde o artista está!”

* Para distribuição digital consultar valores.
Fonte: http://opalcodigital.com.br/site/por-que-voce-deve-gravar-uma-live-session/